terça-feira, 2 de janeiro de 2007

APRESENTAÇÃO

Hoje, com o advento e avanço da Internet, é possível armazenar e colher informações de todos os tipos e, desta forma, perpetuar fatos importantes. No passado, entretanto, quando até mesmo a imprensa era limitada, grande parte dos acontecimentos – especialmente os de origem pessoal – se perderam.

As histórias particulares dos milhares de imigrantes que aportaram no Brasil a partir de meados do século XIX só ficaram registradas, na maioria delas, como coletâneas romanescas que passaram de uma geração para outra, sem que jamais fossem escritas.

Foi justamente para evitar que a história da Família Alípio Mumic se perdesse, é que resolvi desenvolver este trabalho que não tem objetivos literários. Muitos dos fatos aqui relacionados foram conseguidos através de conversas que passaram de uma pessoa para outra e, neste percurso, muitos outros acontecimentos – talvez mais importantes – foram perdidos. Assim, resolvi registrá-las para que mais informações não se percam com o correr do tempo e a fim de que permaneçam como fonte de referência às gerações futuras.
Enny Mumic Gobbo


Clique em cada título:
Apresentação
Como tudo começou
Edna Mumic Silveira
Enny Mumic Gobbo


Bem perto daqui começou uma história...


Casa de Cultura
São Sebastião
do Paraíso,
Sudoeste do
Estado de
Minas Gerais





Bem perto daqui,
no Cortume
Santa Cruz,
viveu a
Família Mumic.






E foi aí que
a minha história
começou...